Traços culturais brasileiros determinam a cultura organizacional no Brasil

IMG_20180303_111722438

O professor Carlos Cesar Ronchi autor de vários livros e mestre em administração destacou em sua disciplina tópicos avançados em recursos humanos: cultura e mudanças organizacionais a importância dos traços brasileiros para o estudo das culturas organizacionais nas empresas brasileiras.

Para o professor os traços tipicamente brasileiros podem influenciar posturas e comportamentos dentro da organização.

Carlos Ronchi diz que nós brasileiros temos traços marcantes somos hierárquicos, ou seja, gostamos de obedecer a modelos hierárquicos. Outros traços bem marcantes é o famoso “jeitinho brasileiro” e a malandragem características que nos fazem no dia a dia flexíveis e adaptáveis.

Para o professor outro traço comum a nós brasileiros é que somos aventureiros, ou seja, o brasileiro é mais sonhador que disciplinado. Ele destaca ainda a cordialidade entre outros traços.

O autor afirma que traços da cultura nacional interferem nos processos da cultura organizacional. Estamos todos inseridos em micro e macro contextos.  E a cultura organizacional é um deles, quando se coloca como um sistema de significados aceitos pública e coletivamente por um dado grupo.

As pessoas precisam estar aptas a interpretar  o significado desse pacto social que se estabelece dentro de uma empresa, para conduzir práticas  saudáveis e eficazes no ambiente organizacional. Isso é determinante para o diferencial da empresa e acaba sendo um dos grandes desafios da gestão organizacional.

Por Marla Medeiros